Conservação e Restauro da Villa Romana de Sendim

Promotor/Beneficiário

Câmara Municipal de Felgueiras

Ano

1999

O presente projeto vem na sequência do anterior e teve por objetivo implementar um conjunto de medidas a efetuar nas estruturas arqueológicas exumadas, de forma a impedir a sua degradação e garantir a sua estabilidade. As ações previstas neste projeto foram de dois tipos: a) restauro de muros que se encontram em estado de maior destruição ou que, pura e simplesmente já não existiam, devido ao roubo continuado da sua pedra ao longo dos séculos. Neste caso, os negativos dos muros encontrados nas escavações permitiram reconstituir o seu traçado com grande margem de rigor, sendo a reconstituição feita com pedra retirada dos derrubes encontrados, e utilizando uma técnica de construção idêntica às utilizadas na época; b) preservação de estruturas e muros através da implementação de ações de consolidação de mosaicos e bordaduras, através da sua impregnação com produtos químicos que garantiram a sua resistência à exposição ao ar.

O sector da Ala Noroeste, escavado até ao momento, era um retângulo de 8 x 4 metros, onde se pôs a descoberto o prolongamento do corredor lateral do peristilo e restos de dois compartimentos, um de cada lado do corredor. De uma das paredes de um destes compartimentos foi roubada a pedra até ao alicerce, pelo que se justificou a reconstrução de todo este muro, o que teve lugar quando os sectores foram ligados um ao outro. O compartimento de outro lado apresentava uma notável soleira de pedra, que foi devidamente consolidada, bem como os restos dos muros aparecidos. O piso do corredor e os pisos dos compartimentos, em oppus signinum, foram consolidados com um solução de Paralóide B72, e, para uma melhor preservação, foram cobertos com plástico preto recoberto de gravilha, para facilitar a drenagem superficial das águas pluviais, além de não permitirem o crescimento de fungos, musgos ou ervas daninhas.

Este projeto permitiu concluir um processo de integração de uma unidade de grande potencial científico e de grande valor cultura, motor de desenvolvimento turístico do território e aberto à população local, com destaque para a estudantil, que aí melhor poderá integrar os conhecimentos sobre as suas raízes e génese histórica.

AnteriorSeguinte

OUTROS PROJETOS

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

CONTACTOS

Telefone +351. 255 311 230
Fax +351. 255 311 275
E-mail adersousa@adersousa.pt

 

MORADA

Rua Rebelo de Carvalho, 433
4610-212 Felgueiras
Portugal

Coordenadas GPS
41.362742, -8.202646
Direções

Destaques

Send this to a friend